HESC serviços para o território, Via Ca' Rossa 118/D, I-30173 Venezia-Mestre VE, Itália
T +39-041-0996482 — F +39-041-0996482 — E info@hesc.it

Índice desta página:
Notícias recentes — «Studi aperti 2018»: Nos dias 18 e 19 de Maio a HESC abre novamente as suas portas ao público
hts – hotel total solutions
Carta da Divisão Político-Administrativa de Angola à escala 1:2.000.000
«Studi aperti 2017»: No dia 26 de Maio a HESC abreu as suas portas ao público
Cooperação com o Atelier de planeamento Zettl de Gießen, Alemanha
15 anos HESC consultor geoespacial para MicroImages TNTgis
15 anos HESC de presença Internet da HESC
Plano Director Municipal do Cubal (Província de Benguela, Angola)
CDE – Certificados de Desempenho Energético
TNTgis – Software avançado para análise geoespacial (com o novo produto TNTscript)
Plano Director Municipal do Dande (Província do Bengo, Angola)
Projectos recentes — Angola
Itália
Mediterrâneo Oriental


Notícias recentes:

«Studi aperti 2018»: Nos dias 18 e 19 de Maio a HESC abre novamente as suas portas ao público

12 de Maio de 2018. Dentro de alguns dias, repetir-se-á a iniciativa «Studi aperti» (Ateliers Abertos, #studiaperti) promovida pelas ordens profissionais italianas dos arquitectos, planificadores, paisagistas e conservadores. E também neste segundo ano a HESC participará, esta vez colocando a tónica no tema seguinte.

Re-generação:
sementes para novo espaços e novas construções.

Duas tardes falando das muitas actividades do atelier que vão do planeamento territorial à arquitectura, até as construções em cânhamo, degustando produtos com base no cânhamo, temperados com intervalos de música ao vivo. Será também apresentada a equipa hts hotel total solutions que se ocupa do sector da hôtellerie.

O evento é organizado pelos proprietários do atelier, a arquitecta Donatella Schiuma e o planificador Markus Hedorfer, conjuntamente aos arquitectos Filippo Florian e Daniela Angiulli. Serão hóspedes a arquitecta Silvia Tomè, que vai falar de regeneração consciente para o bem-estar habitacional, e a escultora Marija Marković.

Para informações mais de detalhe, por favor consultem as nossas páginas web e Facebook:
http://studiaperti.com/hesc-servizi-per-il-territorio-2
https://www.facebook.com/events/614036842295952
https://www.facebook.com/hesc.vce
https://www.facebook.com/hts.venezia
http://www.hesc.it/hts

 

hts – hotel total solutions

18 de Abril de 2018. Depois de diferentes meses de preparação, hoje hts – hotel total solutions está pronta para ser apresentada ao público e iniciar as suas actividades.

hts é um brand que agrupa uma equipa de profissionais e empresas que se refere ao atelier HESC serviços para o território.

hts propõe-se como contratante geral, fornecendo um serviços de projecto integrado e de assistência à realização completa de todos os elementos, incluídas as instalações, as obras de construção e o mobiliário, no âmbito do sector da hotelaria.

Com a gestão directa quer do planeamento quer da esecução, hts está em condições de evitar ou limitar os imprevistos. Como contratante geral pode estudar e realizar um projecto de um hotel único, que satisfaça perfeitamente as exigências da clientela e dos actuais padrões de qualidade, escolhendo ou realizando elementos de mobiliário personalizados. É também disponível a brochura da hts (só na língua italiana).

T +39-041-0996482 — E hts@hesc.it — W http://www.hesc.it/hts — F https://www.facebook.com/hts.venezia

 

Carta da Divisão Político-Administrativa de Angola à escala 1:2.000.000

10 de Janeiro de 2018. No mês passado terminou a elaboração do novo mapa oficial da subdivisão político-administrativa por conta do governo da República de Angola.

No final de 2016, a HESC foi convidada por parte do Instituto Geográfico e Cadastral de Angola (IGCA) e do Ministério da Administração do Território (MAT) a elaborar a nova edição do mapa, como durante os últimos anos verificaram-se vários alterações na sua estrutura global. O projecto foi financiado pelo Fundo de Apoio Social (FAS) beneficiando, por sua vez, de ajudas por parte da União Europeia.

De um ponto de vista técnico-cartográfico, o mapa foi realizado empregando um layout e uma gráfica essencial mas eficaz, privilegiando a legibilidade imediata dos conteúdos representados. O processo de verificação e fiscalização da precisa localização das sedes municipais, bem como de correcta denominação da toponímia foi possível graças a uma colaboração construtiva e eficiente entre a HESC e os escritórios técnicos das autoridades angolanas. O produto é principalmente destinado a ser afixado nas aulas das escolas do País.

 

«Studi aperti 2017»: No dia 26 de Maio a HESC abreu as suas portas ao público

29 de Maio de 2017. Há poucos dias, HESC organizou um dia de abertura ao público do seu escritório para fazer conhecer os seus trabalhos e o seu próprio método de trabalho.

Do bairro para o mundo:
tradição e tecnologia para planear o futuro.

O atelier associado HESC recebe vocês com uma pequena exibição de pintura digital do arquitecto Enrico Rinaldi e com uma série de apresentações disponíveis aos hóspedes falando das muitas actividades realizadas pela nossa empresa: do planeamento territorial e urbanístico, com experiências entre Angola e Alemanha, contadas pelo urbanista Markus Hedorfer, até ao planeamento para reabilitar e requalificar estruturas existentes com a arquitecta Donatella Schiuma, até a casa do futuro entre tradição e inovação, do betão de cânhamo a garantia de bem-estar e qualidade das habitações até ao consumo energético nulo, com a arquitecta Daniela Angiulli. Falaremos também de SIG (sistemas de informação geográfica) e cartografia, áreas de excelência da HESC.

Estamos à vossa espera!

Estas foram as palavras com as quais a HESC convidou para o ‘rendez-vous’. A actividade foi inserida no âmbito da iniciativa «Studi aperti» (Ateliers abertos, #studiaperti) promovida pelo Conselho nacional dos arquitectos, planificadores, paisagistas e conservadores (CNAPPC), sendo a federação italiana das Ordens profissionais provinciais.

 

Cooperação com o Atelier de planeamento Zettl de Gießen, Alemanha

18 de Janeiro de 2017. Em Novembro de 2016 foi concordata uma cooperação entre HESC e o Planungsbüro Zettl de Gießen no Hesse Central (Alemanha). O Atelier Zettl ocupa-se principalmente de planeamento urbanístico geral e pormenorizado, mas também de problemáticas urbanísticas que vão além dos planos formais, bem como de geo-informática, quer dizer SIG, gestão de dados espaciais e cartografia.

Intenção principal da cooperação é apoiar o Atelier Zettl e alguns dos seus parceiros durante a fase actual de pesquisa particularmente elevada na Alemanha de planos urbanísticos por parte dos municípios. Neste contexto, na área geográfica onde trabalha usualmente o Atalier Zettl, HESC não aparece com o próprio nome, enquanto nas outras regiões alemãs emprega-se a fórmula da “Bürokooperation” (cooperação de ateliers).

 

2001-2016: 15 anos HESC consultor geoespacial para MicroImages TNTgis

13 de Junho de 2016. Hoje são exactamente 15 anos desde que foi aposta a última assinatura no contrato que designou a HESC como «consultor geoespacial» da empresa MicroImages, Inc. nos Estados Unidos, produtora do pacote de software TNTgis. A HESC fornece assistência principalmente técnica aos clientes e à comunidade TNTgis, o «software de análise geoespacial para SIG, cartografia e teledetecção».

No início de um desdobrável produzido pela HESC há mais de dez anos — e que foi completamente revisto mesmo este ano — o TNTgis é caracterizado da maneira seguinte: «A análise geoespacial torna-se fácil com um SIG de nível alto a custos razoáveis». TNTgis é uma solução software completa, não requerendo a aquisição de módulos adicionais o software externo para desempenhar tarefas especializadas. Com o TNTgis faz-se tudo: conversões de formato (actualmente 140 filtro de importação e 73 filtros de exportação, além do acesso directo a vários formatos), visualização no ecrã, composições cartográficas complexas e de alta qualidade, atlas electrónicos, web publishing, modificação e análise vectorial topológico, CAD, TIN, raster, LiDAR, COGO, ortorectificação de imágens, DEM, 3D, estéreo, DB relacionais, scripting, desenvolvimento de aplicações standalone e ainda muito mais.

Nesses 15 anos, TNTgis mudou muito. Em 2001 falou-se dos «Produtos TNT» e a versão actual foi a «6.5», saída a Maio daquele ano, a 50ª desde a primeira versão em absoluto lançada em 1986. Pelo contrário, hoje utilizamos «TNTgis 2016», saído a Janeiro deste ano, sendo a 67ª release destes trinta anos de existência do TNT. Ao mudar do produto software e ao crescer das funcionalidades, sempre ao ritmo da evolução tecnológica, os custos de aquisição e de manutenção mantinham-se sempre extremamente competitivas e ainda em diminuição considerável. Em 2001, um sistema completo (TNTmips + P15 + TNTsdk) custava ainda 17.745.000 liras italianas (9.165 euros), enquanto hoje o mesmo sistema — mas obviamente com uma gama de funcionalidades muito mais ampla — pode ser adquirido com apenas 5.000 euro, quer dizer 45% menos.

O desdobrável, sendo até agora elaborado na sua versão actual apenas na língua italiana, é disponível também como ficheiro PDF no nosso sítio Internet no endereço http://www.hesc.it/docs/depl/depltntp-ITA-eu-s850.pdf (14,2 Mbytes).

 

2001-2016: 15 anos de presença Internet da HESC

6 de Junho de 2016. Ontem foram exactamente 15 anos que foi posto online o sítio Internet da HESC no endereço www.hesc.it.

Desde então, muitas coisas mudaram, e não só o logótipo e todas as definições gráficas. 2001 escrevíamos ainda «HeSc PTU&GIS» e «HeSc Arch», para sublinhar o facto de se tratar de duas entidades distintas, que todavia cooperavam organicamente e que se ocupavam respectivamente de planeamento territorial, urbanismo, sistemas de informação geográfica e, na outra parte, de arquitectura.

As mudanças mais significativas chegaram entre 2009 e 2010. A Janeiro de 2009, pôs-se, na sua componente PTU&GIS, a base para o processo de internacionalização do atelier, assinando o acordo de constituição do Consórcio Samayongo em Angola. Menos de dois anos depois, a Outubro de 2010 a constituição formal do atelier associado HESC serviços para o território, com o logótipo e as cores totalmente renovados.

Hoje, a HESC é uma realidade profissional visando quer ao bairro urbano onde encontra-se a sua sede, no que se refere às actividades como por exemplo as reestruturações de casas, quer à região, ao continente e a tudo o mundo, com trabalhos de desenho, planeamento e SIG a todos os níveis.

 

Plano Director Municipal do Cubal (Província de Benguela, Angola)

3 de Julho de 2015. Há já mais de dois meses foi entregue ao contratante, o Governo Provincial de Benguela, a versão final do PDM do Cubal, no qual trabalhou-se juntamente ao nosso parceiro angolano, a FraCaet & Filhos, Lda., desde o início de 2012. Depois de ter apresentado e entregue, no final de Janeiro de 2013, a proposta final do plano, no final de Outubro de 2014 foram recebidas as observações formais formuladas pelo contratante, permitindo-nos assim proceder rapidamente com a elaboração dos documentos definitivos para a processo de aprovação.

O Município do Cubal tem acerca de 325.000 habitantes, abrange aproximadamente uma superfície de 5.550 km² e a sua capital, a cidade do Cubal com acerca de 60.000 habitantes, está localizada cerca de 150 km a leste da capital provincial Benguela e a cerca de 690 km estradais da capital nacional Luanda.

O território municipal é atravessado por um dois eixos de desenvolvimento mais importantes de Angola: a directriz Benguela – Huambo – Kuito Luena – Luau ao longo das estradas nacionais 260 e 250 e do Caminho de Ferro de Benguela (CFB) ligando o porto intercontinental do Lobito no Oceano Atlântico com o interior do País e da África Austral (Província do Katanga na República Democrática do Congo e a Zâmbia).

Além desta posição estratégica no centro-sul de Angola, o território cubalense é uma terra com um potencial agrícola enorme. Na época colonial era uma das zonas mais importantes para a produção agrícola em termos quer de cultivação quer de criação de gado. Hoje, um dos temas mais centrais para o desenvolvimento territorial é mesmo a reabilitação da agricultura quer familiar quer mercantil, visando também à localização de centros de produção agro-alimentar e da logística associada.

Os materiais actualizados do plano podem ser consultados no nosso sítio www.samayongo.com.

 

CDE – Certificados de Desempenho Energético

Entre os seus múltiplos serviços, os profissionais da HESC são agora também acreditados no Governo Regional do Veneto como certificadores para elaborar e emitir Certificados de Desempenho Energético (CDE) válidos nos termos da lei.

Em 2007, a União Europeia adoptou o objectivo para 2020 de reduzir o consumo anual de energia de 20%. Constatando que os edifícios são responsáveis de 40% do consumo de energia total na UE, em 2012 o Parlamento Europeu aprovou uma Directiva (2012/31/UE), que obriga os proprietário de habitações a certificar (através dos CDE) a eficiência energética em caso de venda, arrendamento ou renovação.

A execução da directiva cabe, na Itália, às Regiões (as competências diferem de Estado para Estado) através da elaboração de protocolos técnicos e listas de profissionais acreditados para emitir estes certificados.

 

TNTgis – Software avançado para análise geoespacial

GIS/SIG (vectorial e raster) – Cartografia – Teledetecção – Tratamento de imagens

TNTmips Pro: 5000 € — TNTedit Pro: 3000 € — TNTview Pro: 500 € — TNTatlas: gratuito
TNTmips Basic: a partir de 200 € — TNTmips Free: gratuito
 
novo:

TNTscript (com TNTview Pro): 1500 €
preço de lançamento: 1000 €

TNTscript é um novo produto da família TNTgis, com o qual é possível executar scripts (macros) realizados em SML com o TNTmips Pro, TNTedit Pro ou mesmo com o TNTscript.

Os scripts podem ser executados na linha de comandos do sistema operativo, do interior de outras aplicações ou interactivamente com o TNTview Pro, sendo fornecido juntamente a cada licença do TNTscript.

Trata-se duma maneira barata (poupam-se 3500 €) de transferir toda a potencia geoanalítica do TNTgis para outros computadores sem comprar licenças adicionais do TNTmips Pro. É particularmente apto para distribuir cargas de trabalho computacional muito elevadas, também explorando recursos de «computação em nuvem» (cloud computing).

Para as licenças de rede (floating licence) é preciso calcular uma majoração de todos
os preços em 20% para os direitos de utilização do software de gestão das licenças.
Todos os preços indicados devem ser intendidos IVA incluída (em Itália actualmente a 22%).
 

Plano Director Municipal do Dande (Província do Bengo, Angola)

Quarta-feira, 11 de Março de 2015, na grande Sala de Reuniões do Município do Dande, na Sassa Povoação, apresentámos ao Governo Provincial do Bengo, à Administração Municipal do Dande, ao INOTU (Instituto Nacional do Ordenamento do Território e Desenvolvimento Territorial), bem como a outras autoridades locais este novo plano territorial em que estávamos a trabalhar desde Janeiro de 2014 juntamente com o nosso parceiro angolano FraCaet & Filhos, Lda..

O Município do Dande tem acerca de 250.000 habitantes, abrange aproximadamente uma superfície de 7.500 km² e a sua capital, a cidade do Caxito, com acerca de 50.000 habitantes, está localizada cerca de 80 km a norte-leste da capital Luanda.

O território municipal está interessado por vários projectos de grande importância, como o novo porto comecial de Luanda, infra-estruturas rodoviárias e ferroviárias, instalações turísticas e novas zonas produtivas e residênciais para mais do que 200.000 pessoas. O Município do Dande tem também um território muito fértil, com uma agricultura existente e potencial muito dinâmica. É percorrido por dois rios importantes, o Bengo e o Dande, e nas áreas do interior dominam paisagens com elevado valor, até com vocações para um turismo natural.

 

Ligações para páginas de alguns dos nossos projectos recentes:

Angola

Tudo o material relativo aos trabalhos desempenhados em Angola é em português, enquanto algumas das páginas Internet foram traduzidas também para italiano, inglês e alemão. As ligações hipertextuais conduzem ao nosso sítio Internet www.samayongo.com, sendo o sítio do Consórcio (Consórcio Samayongo) que HESC fundou a Janeiro de 2009 em Luanda, Angola junto aos seus partners locais.

Cubal (Benguela): Plano Director Municipal (2012-2013)
Plano de Desenvolvimento Urbanístico da Sede Municipal (2009-2010)
Carta Técnica Municipal 1:5.000 (2009-2010)
Ganda (Benguela): Cartografia de base para o Plano Director Municipal (2013)

Itália

Tudo o material relativo aos trabalhos desempenhados na Itália é em italiano. As ligações hipertextuais conduzem a subpastas do nosso sítio Internet www.hesc.it.

Noventa Padovana PD: PAT – Plano de ordenamento do território (2005-2013)

Mediterrâneo Oriental

O «Atlas Mediterrâneo do Património Veneziano» é um conjunto de produtos a suporte à documentação e à valorização do património veneziano na área do Mediterrâneo Oriental: atlas em papel; mapas geográficos à escala 1:200.000; atlas electrónico distribuível em DVD. A primeira fase afectou a preparação do Atlas para as ilhas de Creta e Chipre. Tudo o material de documentação publicado até agora é em italiano e em grego. A versão inglesa é incompleta.

Atlas Mediterrâneo do Património Veneziano: Introdução, Manual do Utilizador e Índice dos Objectos e Fichas de Dados (2011-2013)
 
HESC serviços para o território — Via Ca’ Rossa 118/D — 30173 Venezia-Mestre VE — Itália
T +39-041-0996482 — F+39-041-0996482 — E info@hesc.it
Os sócios do atelier são registados na Ordem profissional dos Arquitectos, Planeadores Territoriais, Paisagistas e Conservadores da Província de Veneza,
Secção A (profissionais senior), Sectores «Arquitectura» e «Planeamento Territorial»
Sítio criado: 5 de Junho de 2001 — Última actualização: 12 de Maio de 2018 — Servidor Internet em Arezzo, Itália